Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

GameOver: Blog oficial

O blog oficial do GameOver. Participa!



Sexta-feira, 20.06.14

E3 2014: a indústria está mais viva que nunca

Regressados de Los Angeles, local onde decorreu mais uma edição da E3, o maior evento da indústria dos videojogos, é tempo de fazer um pequeno balanço. Este ano não existiam consolas novas para apresentar e, tal como se esperava, os jogos voltaram a ser o centro de todas as atenções. Mas afinal quem saiu vencedor da E3 2014? Ao contrário do que sucedeu no ano passado, onde a Sony e a Ubisoft estiveram num patamar superior e a Microsoft foi vítima da sua própria estratégia de comunicação e de vários erros de casting, nesta edição da feira nenhuma das grandes companhias assumiu um papel claro de destaque e o equilíbrio foi claramente a nota dominante. Talvez a EA pudesse ter tido uma prestação diferente. Os jogos mais aguardados da companhia norte-americana ainda estão numa fase extremamente embrionária do seu desenvolvimento e isso refletiu-se durante a sua conferência e, naturalmente, nos três dias de feira. Outra nota importante foi a falta de fulgor de algumas companhias japonesas e que normalmente estão em força na E3, e neste particular é preciso referir a Capcom e a Square Enix. A própria Konami estava limitada ao novo PES e ao desejado Metal Gear Solid V: The Phantom Pain. Esperamos que seja apenas uma situação passageira, mas infelizmente o mercado japonês, em termos de produção, tem atravessado um período menos fulgurante. A Capcom, por exemplo, tem apresentado quedas acentuadas em termos de receitas e há dois dias, após uma reunião dos acionistas, foi decidido terminar com a cláusula que evitava a compra de ações da companhia em percentagem suficiente de modo a evitar que os responsáveis atuais perdessem o controlo da companhia. Ou seja, neste momento isso passou a ser possível. Caso apareça uma empresa ou alguém e decidir comprar um grande número de ações, a liderança da companhia poderá ser alterada. Não é de facto um bom sinal, mas uma coisa é certa, tirando estes casos pontuais, a indústria está mais viva que nunca e nesta edição da E3 foi possível comprovar novamente as razões que fazem dos videojogos a indústria líder na área do entretenimento.

Bruno Mendonça

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Game Over às 08:33


1 comentário

De Fernando a 05.10.2014 às 19:12


Vocês não vai acreditar, mas eu era dotado de um código PSN de graça! Confira este site http://psn.cardcodes.net

Comentar post




Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

Mais Jogos no SAPO




GameOver Ir para o site GameOver