Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

GameOver: Blog oficial

O blog oficial do GameOver. Participa!



Sexta-feira, 02.01.15

Videojogos: fecha-se um ciclo, começa outro

Findado 2014 é tempo de olharmos para trás e fazer um balanço sobre a indústria dos videojogos, e uma primeira projeção do que nos espera 2015. Não podemos dizer que foi um ano negativo, mas está longe do impacto de 2013, que correspondeu ao início de uma nova geração de plataformas. O primeiro ano de um novo ciclo de consolas é normalmente fraco em grandes títulos, sobretudo após a euforia da sua janela de lançamento, com os principais estúdios a recarregar baterias para uma segunda fornada de jogos.
 
Ainda assim, 2014 apresentou-nos algumas pérolas, embora concentradas em épocas muito próprias como a páscoa e claro, o natal. Basta olhar para os tops dos melhores títulos do ano e notar o amontoado de pesos pesados a digladiarem-se por um espaço no sapatinho da árvore de natal – Dragon Age: Inquisition, Far Cry 4 ou Super Smash Bros. Wii U, por exemplo, deixaram as carteiras a arder na altura da decisão. Mas 2014 foi muito positivo pelo regresso em grande forma da Bungie com o excelente Destiny, assim como os criadores de Call of Duty, agora no seu novo estúdio, com Titan Fall.
 
Ainda em regressos importantes, a Nintendo em particular teve um ano excelente e alguns títulos irrepreensíveis no seu catálogo, para além do recente título de combate protagonizado por Mario e companhia: Bayonetta 2 quase nos fez esquecer as limitações técnicas da Wii U face às suas rivais; e Mario Kart 8 é simplesmente obrigatório na coleção de todos os jogadores. Por fim, a Blizzard parece ter tido um dos melhores alinhamentos dos últimos anos. Hearthstone deixou os fãs das cartas colecionáveis, e não só, rendidos à magia dos seus embates; World of Warcraft recebeu, provavelmente, a sua melhor expansão de sempre, acompanhado de aumento significativo de subscrições; lançou também a aguardada expansão de Diablo III – Reaper of Souls, que os fãs referem ser aquilo que o jogo original deveria ter sido.
 
Ainda que as atenções dos videojogos estejam postos nas consolas PS4 e Xbox One, os fãs das respetivas marcas demostraram alguma desilusão pelos títulos lançados durante o ano. Para além dos referidos, a maior parte nem sequer eram exclusivos da sua plataforma de eleição, como ainda viram diversos lançamentos em diferentes gerações. Isto significa que 2014 ainda não foi o ano definitivo de viragem e as principais editoras não deixaram as consolas “velhinhas” repousar. E prova disso foi a adaptação de diversos títulos para a nova geração, os chamados “remastered” em alta definição, como Grand Theft Auto V e The Last of Us.

Mas olhando para o futuro, ou melhor, o ano novo, já estão algumas pérolas esperadas no horizonte, como os adiados The Witcher 3: Wild Hunt e Batman: Arkham Knight que dispensam apresentações. O primeiro pretende ser o mais ambicioso RPG de sempre e o regresso de Batman promete ser a derradeira experiência do Cavaleiro das Trevas e o fechar da excelente trilogia da Rocksteady. Na lista dos grandes lançamentos de 2015 há uma balança equilibrada entre sequelas e novos títulos. Os próximos capítulos de Metal Gear Solid e Uncharted lideram os desejos dos fãs onde se incluem também Tomb Raider, Just Cause e Mortal Kombat. E quanto a jogos que necessitam de atenções especiais, pela sua novidade, estão incluídos títulos como Evolve, The Order 1886, Bloodborne e Mad Max, a adaptação do universo protagonizado no cinema por Mel Gibson.
A indústria dos videojogos funciona através de ciclos constantes. Ainda as pilhas de excelentes títulos estão amontados, já os olhos estão postos nos próximos lançamentos. Ser sôfrego é um defeito feio, mas nos videojogos não há outra forma de estar. Venham eles!
 
Feliz ano novo!
Rui Parreira

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Game Over às 09:16




Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

Mais Jogos no SAPO




GameOver Ir para o site GameOver