Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

GameOver: Blog oficial

O blog oficial do GameOver. Participa!



Segunda-feira, 16.07.07

Quando as esperanças superam os 100 milhões...

Satoru Iwata tem muitas esperanças para a Wii. Muitas mesmo. Bem contabilizadas, são mais de 100 milhões de esperanças...

 

Falando aos jornalistas durante a E3, o presidente a Nintendo referiu que não se admiraria se a Wii vendesse tanto ou mais do que a PlayStation2.

 

“Mais de 100 milhões de PS2 vendidas é um número extraordinário, que nunca conseguimos atingir com o nosso negócio de consolas. Mas poderemos ultrapassá-lo se a nossa aposta na expansão do mercado de jogadores continuar a ser um sucesso.”

 

Mulheres... avós e avôs... tios e tias... padrinhos e madrinhas... a esperança de Iwata reside em vocês. Para lá de 100 milhões delas.

 

Nós cá estaremos para ver se são atingidas.

 

Por mim tudo bem, desde o momento em que não comecem a tornar casuais séries como Zelda, Mario, F-Zero e por aí adiante. Já agora, façam o favor de não cancelar jogos como Project HAMMER.

 

A ver vamos até onde chegará esta estratégia da Big N. Mas uma coisa é certa, não deixo de ter algum receio dos efeitos colaterais...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por luxxx às 13:16


61 comentários

De Prometheus a 16.07.2007 às 23:53

Acho que nenhum "hardcore gamer" se dá por realizado se tiver uma consola de cada geração, isso já é mais do que sabido. Há 14 anos comprei um SNES e no final da era 16 bits comprei uma Mega Drive; há 11 anos comprei uma Saturn quando o preço dela caiu e no ano seguinte uma N64 (se não o tivesse feito, teria sido uma verdadeira travessia do deserto), na última geração só tive GameCube devido às circunstâncias. Nesta geração ainda não comprei nenhuma consola doméstica, este natal devo comprar a Wii e TALVEZ possa comprar uma Xbox 360 SE o preço baixar, houver mais jogos que me atraiam e a qualidade da construção subir; não se deve à diferença entre jogos "hardcore" e jogos "casuais", deve-se sim a Virtua Fighter 5, SEGA Rally Revo, Assassin's Creed, Banjo Kazooie 3 (se for realmente bom) e mais um ou outro.

De Megalodon a 17.07.2007 às 00:12

“Acho que nenhum "hardcore gamer" se dá por realizado se tiver uma consola de cada geração” ok, percebo o que queres dizer, mas isso é muito discutível, depende de vários factores. Na minha opinião a Ps2 foi suficiente mesmo para um “hardcore gamer”. A Wii carece imenso de jogos direccionados para esse tipo de jogadores.

De Prometheus a 17.07.2007 às 00:20

E para completares o teu comentário, devias dizer que neste momento a PS3 carece imenso de jogos para qualquer tipo de jogadores.

A seguir podes dizer, e correctamente, que há bastantes jogos a caminho da PS3 que vão desde o muito interessante ao essencial, onde se incluem Lair, Tekken 6, Gran Turismo 5, Little Big Planet, Assassin's Creed, Saboteur, Final Fantasy XIII (congelado), Metal Gear Solid 4, etc...

Mas há igualmente bastantes jogos a caminho da Wii que elevam, e muito, a fasquia - Super Mario Galaxy, NiGHTS Journey of Dreams, Metroid Prime 3, Super Smash Bros. Brawl, Ghost Squad, No More Heroes, Dragon Quest Swords, Fire Emblem Goddess of Dawn (já disponível no Japão e a caminho dos EUA, a ver se chega à Europa...), Bleach - Shattered Blade, etc...

Nenhum desses jogos que eu indiquei se enquadra na categoria mais apropriada a jogadores casuais, e eu nem sequer incluí o próximo Zelda uma vez que ainda não sabemos nada sobre ele.

De Blu-Fox a 17.07.2007 às 00:38

Bem... Não podes esquecer que a PS3 saiu á 4, 3 meses... Logo, não tem um line up mara um grande numero de jogadores de estilos diferentes...

Quanto a Wii... Ela foi FEITA PRA CASUAL GAMERS !!! É normal que tenha mais jogos pra casual gamers que a XBOX e a PS3 juntas, tal komo a PS3 tem mais jogos pra hardcore gamers que a Wii...

Verdade ??? Hummmm...

Quanto aos comentários ao Killzone 2... N te vou xatear mais. Mas decerteza que nao gostas dos gráficos do Killzone ????? A arma que estás a usar está perfeitamente realista !!! Nem com definção a mais, nem a menos ( se é que me percebes... Com tanto next gen e alta defenição, alguns jogos perdem o seu realismo... Principlamente FTPs )

Chamas a 2D ??? Hammm ???

Vamos terminar kom esta conversa sobre os gráficos de killzone 2 agora... Já chega ( Eu sei q fui eu k puxei konverça XD )

De Prometheus a 17.07.2007 às 00:45

A PS3 saiu há 4 meses na Europa, no Japão e EUA saiu praticamente ao mesmo tempo que a Wii e a grande maioria dos jogos vêm do Japão e América do Norte, logo o factor tempo não iliba a PS3.

A Wii não foi feita para casual gamers, foi feita para abranger todo o público - se assim não fosse, porque carga d'água é que o Twilight Princess foi jogo de lançamento? Aquilo não é exactamente o mesmo que o Wii Sports e o TP foi um dos jogos mais vendidos do natal passado, chegou a ter um rácio de 70% julgo eu - foi comprado por pessoas de meia-idade e por quem não dá importância a jogos?

Da mesma forma, a SEGA iria perder tempo a lançar o primeiro Sonic bom dos últimos anos numa consola para casual gamers? E iria ainda investir tempo e dinheiro num novo NiGHTS, um nome que só é conhecido por gamers com alguma rodagem no meio? E o serviço Virtual Console está lá para os jogadores casuais?

Pois, não me parece. Parece-me sim que a Nintendo acertou no pote d'ouro, enquanto que a Sony reduziu drasticamente o público que fez a PS2 ultrapassar os 100 milhões de unidades vendidas.

De Blu-Fox a 17.07.2007 às 01:08

Claro que acertou no ponto de outro. Claro que está a tirar os lucros disso... Sem dúvida !

Mas qual foi a estrategia da Nintendo para tentar vencer esta guerra... Conceber uma consola pra casual gamers...

É claro que uma consola tem de ter hardcore gaming... Mas se a nintendo acertou no ponto de ouro... Foi porque se lembrou dos casual gamers... Ou vais dizer que o Wii Mote foi concebido pra e a pensar em hardcore gamers ???

A Wii foi concebida para a familia ( um objecto que todas as pessoas la em casa podem usar, para se divertir ). Mas n me vais diser que a Nintendo concebeu a consola para agradar aos Hardcoregamers... Eu principalmente não fikei feliz com o wiimote !

Hardcore games existem sempre, independentemente da consola...

De Megalodon a 17.07.2007 às 01:05

Daqui a pouco estás a dizer-me que a Wii é mais direccionada para “hardcore gamers” do que a Ps3 ou a 360. Bem, mas não nos desviemos do essencial. E o essencial é muito simples. Se a Nintendo sobrevive a vender consolas a jogadores na sua esmagadora maioria “casuais”, então terá de se preocupar primeiramente com esses jogadores. O que é que isto significará na prática ninguém sabe, pelo menos por enquanto. Podes sempre olhar para a conferência da Nintendo na E3 para tirar algumas conclusões. Qual foi a grande surpresa/trunfo da Nintendo na E3? Wii Feet. Direccionado para quem??


http://www.cinemablend.com/games/Has-Nintendo-Officially-Abandoned-The-HardCore-Gamer-A-Counter-Point-4635.html

Porque é que este "Nintendo fanboy" sente necessidade de escrever isto???
Porque é que estamos a discutir isto???
Porque é que o Luxxx fala em "efeitos colaterais"???

De Prometheus a 17.07.2007 às 01:19

Todas essas preocupações são legítimas.

Eu também fiquei algo indiferente ao Wii Fit, sei que comercialmente vai ser muito bom para a Nintendo mas pessoalmente não me diz nada. E não me sinto propriamente "ignorado" pela Nintendo, isto porque a Wii além de já ter alguns títulos bons, tem encaminhada uma boa dose de jogos que criam expectativas elevadas, tal como têm a Xbox 360 e a PS3.

Estas etiquetas dos "casual gamers" e "hardcore gamers" raramente eram utilizadas, mas actualmente parece que se está a busar um pouco delas. Eu próprio já fui, indirectamente, considerado "casual gamer" apenas porque a Wii me interessa mais do que a PS3 e que a Xbox 360, apesar de reconhecer que tanto uma como outra também vão ter excelentes jogos, simplesmente os jogos exclusivos da Wii atraem-me mais, e não estou a falar de Wii Sports, Big Brain Academy ou Cooking Mama.

Agora vejam a questão deste ângulo - a PS2 vendeu mais de 100 milhões de unidades, o último número refere 118 milhões. Como é que se chegou a este número? Não foi certamente à custa de jogadores hardcore. Estes compraram a PS2, mas esta atingiu um número tão elevado porque apelou a grupos como crianças, famílias e pessoas que normalmente não se interessavam por jogos - vejam os títulos infantis disponíveis para a PS2, os Buzz e Singstar e o sucesso que a máquina foi. Podem dizer que os hardcore gamers não se sentiram satisfeitos?

Claro que sentiram, a PS2 podia ter o Noddy, o Shrek, PES e FIFAs uns atrás dos outros, Buzz e Singstar, mas também teve três Final Fantasy, Okami, Tekkens, God of War, Shadow of the Colossus, ICO, etc.

Porque não estabelecer uma leve analogia com a Wii? Podem lançar para a Wii os jogos para iniciados que quiserem, desde que Super Mario Galaxy, Metroid, Brawl, NiGHTS e outros títulos de peso não sejam prejudicados. Como eu já disse, se a Wii fosse uma máquina apenas para jogadores casuais, aqueles títulos que eu referi noutro post não estariam a caminho da máquina da Nintendo.

De Megalodon a 17.07.2007 às 01:41

“a PS2 vendeu mais de 100 milhões de unidades, o último número refere 118 milhões. Como é que se chegou a este número?” “Porque não estabelecer uma leve analogia com a Wii?” isto dava tema até de manhã. Se a Wii tiver o apoio dos 3rd parties que a Ps2 teve. Se a Sony e a Microsoft estiverem a dormir. Se os estúdios internos da Nintendo conseguirem atender a todo o tipo de jogadores, etc, etc, etc. Há muitos factores que combinados levaram ao sucesso que a Ps2 teve. A Ps2 continua a vender, a Sony continua a produzir jogos para ela. Dizes que a Ps2 só chegou a estes números porque agradou ao mercado casual, e tens toda a razão. A Sony conseguiu um equilíbrio muito bom nos jogos que disponibilizou para a consola. Jogos para todo o tipo de público, mas isso não é nada fácil de conseguir. Será que a Nintendo vai sequer arriscar a tentar fazê-lo? Eu estou convencido que a longo/médio prazo a tendência será investir cada vez mais no mercado casual. Vamos esperar para ver.

De Prometheus a 17.07.2007 às 02:02

A tendência actual já é, e foi no passado recente, investir no mercado casual. Na Europa, por exemplo, cada ano qual é o jogo que domina a tabela de vendas? É a edição anual do Pro Evolution Soccer, que no caso da PS2 foi razão para milhões de pessoas pelo continente fora o terem comprado - uma das razões para a disparidade do número de PS2 entre o Japão, EUA e Europa.

No caso da Wii, algumas das questões que levantas já foram respondidas - a SEGA, Namco-Bandai e Konami, por exemplo, já anunciaram que vão aumentar o número de jogos em desenvolvimento para a Wii em detrimento dos que estão em desenvolvimento para a PS3, isto porque a PS3 não é suficientemente lucrativa.

Isto tem um paralelo óbvio, na geração passada, a maioria das 3rd parties optou pela PS2 em detrimento da GC porque a máquina da Sony era mais lucrativa. Achas que aqueles estúdios vão todos fazer jogos para jogadores casuais? Entre as três máquinas actualmente no mercado, a Wii é a que melhor conseguiu gerar um "efeito bola-de-neve" e arrastar apoios no desenvolvimento de jogos. Isto significa apenas que além dos jogos 1st party da Nintendo (que já são razão mais do que suficiente para gastar €250 na Wii), vamos também ver a maior vaga de apoio 3rd party a uma consola doméstica da Nintendo desde o início da década de 1990.

De Megalodon a 17.07.2007 às 12:38

“Achas que aqueles estúdios vão todos fazer jogos para jogadores casuais?” eles vão fazer jogos que agradem ao tipo de consumidor que comprou uma Wii. Ainda há pouco tempo alguém da produção do novo Silent Hill falou da possibilidade do jogo sair para a Wii. Ele dizia que Silent Hill não é aquele tipo de jogo para jogar em família.

De Prometheus a 17.07.2007 às 02:08

Mais uma vez, não acho que a Wii vá atingir os 100 milhões de unidades vendidas - é possível que venda mais do que as outras duas, mas atingir a barreira dos 100 milhões é muito muito difícil - talvez se fizerem um lançamento oficial na China e na Índia com jogos a preços extremamente baixos, mas isso é impossível.

Em relação à "casualização" do mercado, a verdade é que a grande maioria dos jogos que são postos à venda são medíocres - olhem bem para os milhares de lançamentos que se fazem, ano após ano - cerca de 50% são maus, uns 25% são medianos, cerca de 15% são bons, uns 9% serão muito bons e o 1% que sobra é composto por títulos excepcionais - se num ano forem lançados 3000 jogos, por exemplo, 30 títulos excepcionais e quase 300 muito bons já satisfaz muita gente. Com isto quero dizer que mesmo que haja uma tendência crescente para os chamados "jogos casuais", isso não será certamente em detrimento dos jogos chamados "hardcore" - apesar de tudo, isto ainda não me parece um jogo de soma zero, julgo isso sim, que a ascensão de "jogos casuais" vai permitir igualmente a ascensão de novos produtores que podem perfeitamente ter uma "co-existência pacífica" com os grandes nomes já estabelecidos.

E com isto fico por aqui que o sono já é muito...boa noite.

Comentar post



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


calendário

Julho 2007

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

Mais Jogos no SAPO