Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

GameOver: Blog oficial

O blog oficial do GameOver. Participa!


Quarta-feira, 13.12.06

Ponto da situação

Japão e Estados Unidos já tem o trio de máquinas que compõem a nova geração de consolas. E o período festivo tem trazido algumas surpresas... ou talvez não.

 

No que toca aos Estados Unidos, sabe-se que a Xbox 360 tem lucrado muito com a falta de stocks da PlayStation3. O lançamento de Gears of War também não é inocente no que toca à subida do número de consolas norte-americanas vendidas. Segundo as mais recentes informações, foi a vencedora do período que rodeou o Dia de Acção de Graças. Resta saber se conseguirá atingir a fasquia pretendida pela firma de Bill Gates: 10 milhões até ao final de 2006.

 

Depois temos a Wii. Talvez o melhor lançamento da história da Nintendo, com as vendas a baterem recordes por tudo quanto é país. 325.000 consolas vendidas nos seus dois primeiros dias de vida na Europa... é obra. 1.350.000 vendidas por esse mundo fora... a obra é ainda maior! Para quem não quer ser concorrente das outras duas, afirmando que nada tem a ver com a guerra next-gen... nada, mas mesmo nada, mau.

 

Por fim, a PlayStation3. Se o nascimento da Wii decorreu sobre rodas, o mesmo não poderá ser dito da chegada da nova máquina Sony, com as linhas de montagem a não conseguirem dar resposta aos pedidos. Esta falta de stocks faz com que, para já, seja a derrotada deste período festivo. Provavelmente, o lançamento em simultâneo em dois continentes poderá ter sido um erro, especialmente tratando-se de mercados vitais como o norte-americano e o japonês.

 

Obviamente que recuperará terreno com o decorrer dos meses e com a estabilização da situação, pois a realidade é que não aconteceu nenhuma catástrofe – não ficaram PS3 por vender nas prateleiras das lojas. Mas uma coisa é certa, foram cometidos deslizes pouco habituais por terrenos da mãe dos Walkman, não conseguindo escapar ao facto de ter ficado atrás das dupla de concorrentes, nas semanas que se seguiram à sua chegada ao mercado.

 

Já agora, cliquem aqui: http://nexgenwars.com/ e conheçam o número aproximado de consolas next-gen vendidas por esse mundo fora.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por luxxx às 17:49

Segunda-feira, 04.12.06

E agora?

O trio de novas consolas já mostrou o que vale. Wiimote, Zelda, Virtual Consola, Gears of War, Live, 720p, 1080p, HD, Sixaxis, Resistance, Blu-Ray, HD-DVD...

 

E certo é que todas têm os seus pontos fortes e vários pontos fracos. Agora que todas deram entrada nas lojas norte-americanas e nipónicas... agora que já todos lemos e escrevemos sobre elas... agora que passaram da teoria à prática... chegou a altura de se tomar uma decisão final: em qual se irá gastar os muitos euros pedidos!

 

Na parte que vos toca, enquanto consumidores atentos ao que se passa na indústria dos vídeojogos, os acontecimentos, revelações, lançamentos e críticas às máquinas e jogos já lançados fizeram-vos mudar de opinião sobre qual comprar? Ou será que as vossas certezas foram confirmadas? Quais são as vossas expectativas para os tempos que aí vêm? Haverá uma vencedora e duas derrotadas?

 

Aproveitem este humilde espacinho e digam de vossa justiça.

 

Eu... bem... neste preciso momento vivo em estado de menáge a quatro, dividindo a minha atenção entre Twilight Princess, Wii Sports, Gears of War e Rainbow Six: Vegas. Quanto ao futuro, sinto um ligeiro arrepio ao pensar em coisinhas lindas como Smash Brawl, Super Mario Galaxy, Metroid Prime: Corruption, Metal Gear Solid 4, Heavenly Sword, Halo 3 e BioShock. Futuro risonho este...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por luxxx às 17:20

Segunda-feira, 27.11.06

Querido Pai Natal...

Natal é sinónimo de presentes. Natal é sinónimo de “há que aproveitar, pois dias como este só acontecem uma vez por ano!” Ou seja, toca a agarrar na caneta e escrever a bela da lista de pedidos ao senhor das barbas brancas.

 

Ok... eu tenho sorte. Muita sorte. Na verdade, para fazer justiça à minha situação, a palavrinha tem de ser escrita em caixa alta: SORTE! Quero com isto dizer que tenho tudo quanto é jogo e consolas não faltam por estes lados.

 

Mas se não fosse um tipo abonado no que toca a vídeojogos, a gentileza do Papai Noel não me passaria ao lado. E usaria e abusaria da dita. Sim, não custa nada dar uns tiros para o ar, pois nunca se sabe se não cai um patinho no nosso colo. E a lista seria a seguinte:

 

Wii - obviamente!

 

Um segundo Wiimote para o Wii Sports - essencial.

 

Uma PSP Pink - até apetece comer!

 

Uma DS Pink - para fazer conjunto!

 

Ligação ao Live - obrigatória para quem tenha uma 360.

 

Company of Heroes - um dos melhores RTS dos últimos anos.

 

Children of Mana - estou com saudades de um RPG portátil.

 

Lumines II - vício puro e duro!

 

Twilight Princess - não necessita de qualquer comentário!

 

Gears of War - sinceramente, é um dos jogos da minha vida!

 

Guitar Hero II - de chorar por mais.

 

Pro Evo 6 PS2 - sem ele as tardes entre amigos ficam mais cinzentas.


Já agora, aproveitem os comentários e revelem a vossa lista de pedidos. Pode ser que o Pai Natal dê um saltinho ao blog. Sim, nos tempos que correm, tudo é possível...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por luxxx às 15:36

Quarta-feira, 22.11.06

Velho do Restelo

De quando em vez é lançada uma compilação de velhos clássicos. De quando em vez dou por mim a pensar “isto é que eram tempos, caramba!”

 

Foi o que aconteceu após algumas horas na companhia de Capcom Classics Collection Reloaded para a PSP. Ghosts’n Goblins, 1942, Street Fighter II, Commando, Mercs... foi uma barrigada de matar saudades, que só pecou pela falta de comparência de Final Fight. Ou seja, têm sido horas e mais horas de “isto é que eram tempos, caramba!”

 

Mas, pensando a frio e sem saudosismos, confesso que não sei se conseguiria passar sem ter ao meu lado uma máquina que ofereça pura luxúria visual. Quero com isto dizer que é excelente matar saudades de Gauntlet... sabendo que pela madrugada fora vou ter como companhia o HD e o online de Gears of War.

 

E este sentimento não é de agora. Por exemplo, Super Mario World é um dos jogos da minha vida. Mas após ter passado por Mario64... gosto de voltar à carga na aventura SNES, mas sempre sentindo alguma falta do 3D total da obra criada para o hardware da N64.

 

Será que mesmo sendo apaixonados pelo retrogaming conseguiríamos regressar ao passado, dizendo adeus ao que de melhor nos consegue oferecer o hardware das mais recentes máquinas? No que me diz respeito, jogar Time Pilot ‘84 dá-me um enorme gozo, mas Marcus Fenix e os Locust já fazem parte da minha vida... que sem eles perderia um pouco do seu colorido!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por luxxx às 01:20

Quinta-feira, 16.11.06

Hoje não posso que estou a jogar!

O post dedicado ao multiplayer de Gears of War trouxe-me à memória os bons velhos tempos em que passava horas e mais horas agarrado a tudo quanto era jogo, como se não houvesse amanhã.

 

Ainda não tinha despertado para as delícias do sexo oposto, sair à noite era impossível e o charme das cervejas ainda não tinha surgido no horizonte. Era eu, os amigos, as cassetes, um gravador, o Spectrum e muita tecla de borracha com as letras a desaparecerem devido ao uso extremo. Tudo tão ingénuo. Tudo tão inocente.

 

Nesses anos, a frase que por mim mais proferida era: “Agora não posso que estou a jogar!” E se jogava...

 

Foi em 1983 que alcancei um recorde pessoal que ainda hoje se mantém: 36 horas seguidas a dedilhar num teclado. O responsável por este feito foi Football Manager, o primeiro título de gestão futebolística, há 24 anos editado pela Addictive.

 

Na companhia de um fantástico sistema de estatísticas e de um luxuoso motor 3D, levei a minha equipa da mais fraca das divisões até ao primeiro lugar do campeonato principal. Tudo de seguida, sem pausas, com os olhitos a verterem lágrimas e os dedinhos dormentes.

 

Agora estou velho, pesa-me a consciência quando passo mais de três dias seguidos a deitar-me às 5 da manhã, tenho de me justificar perante terceiros e o charme do sexo fala mais alto do que os encantos dos jogos.

 

Adeus inocência. Adeus ingenuidade.

 

Já agora, durante as próximas horas não posso... vou jogar!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por luxxx às 02:30

Terça-feira, 14.11.06

A carne é fraca

Odeio dormir pouco. Odeio pensar que apenas faltam 4 horas para iniciar mais uma jornada de trabalho. Odeio sentir-me cansado. Odeio bocejar. Odeio olheiras. Odeio não conseguir escrever quando sinto sono. Odeio o estado semi-vegetativo. Odeio sentir falta da cama... mas...

 

... adoro o multiplayer de Gears of War.

 

E este Yin e Yang está a dar cabo de mim.

 

E a carne é fraca e o vício grande.

 

E maldita seja a carne!

 

Agora vou passar pelas brasas, pois a madrugada está a terminar, o dia a começar e as horas de labuta a aproximarem-se a passos largos.

 

Odeio-me. Adoro-me.

 

Caramba...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por luxxx às 04:54

Sexta-feira, 10.11.06

A PS3 e eu

Umas horitas a jogar PS3 é pouco, muito pouco. Mas é muito melhor que nada.

Fui com o Luís até aos escritórios da Sony para um test-drive da next gen da Sony e foi uma delícia. E como o Luís já adiantou bastante informação no seu post anterior, resta-me concordar com ele.

> Sim, é uma máquina linda que fica bem em qualquer sala. É grande mas não é maior que uma Xbox 360 + fonte de alimentação.

> Sim, o novo comando é levíssimo mas faz falta o rumble. De resto continua a ser o comando perfeito e os novos gatilhos funcionam na perfeição. O sixaxis (controlar os movimentos no jogo movendo o comando) não estava ainda suficientemente bem implentado para dar uma opinião justa, mas para já não me convenceu.

> Sim, o dashboard é uma confusão, tal como o da PSP. Mesmo para um gamer não é nada prático... eu, pelo menos, nunca me adaptei bem a ele. Se estão habituados à PSP vão sentir-se em casa.

> Sim, os jogos são impressionantes pela sua qualidade gráfica e fluidez. E isto é algo que não é muito habitiual em jogos de primeira geração. O facto de Resistance estar, graficamente, quase ao nível de Gears of War (jogo de 2ª geração da Xbox 360) revela que a PS3 é de facto uma máquina poderosa e o seu potencial é grande.

> Não, a diferença entre 720p e 1080p não é grande. Mesmo num ecrã de um metro de diagonal, só com muita atenção se conseguiria apontar as diferenças. Num ecrã de 2 metros de diagonal já não sei, mas como poucos de vocês terão uns milhares de contos disponíveis para comprar um, não creio que isso importe muito.

Mas por muito divertido que tenha sido jogar Motorstorm, Ridge Racer 7 e Resistance. O certo é que, chegado a casa, estava ansioso por pegar no Gears of War. A luta entre Xbox 360 e PS3 vai ser renhida. Para já, a PS3 convenceu! Venha Março e o lançamento europeu.

Entretanto leiam o especial do GameOver para saberem todos os detalhes: http://gameover.sapo.pt/article.html?id=30356

Autoria e outros dados (tags, etc)

por namorado às 15:08

Quinta-feira, 09.11.06

Eu tenho três amores…

....lalalalalala… que em nada são iguais…. lalalalalala… desculpem, deixei-me levar pela emoção. Se estão à espera de um comparativo entre a 360, a PS3 e a Wii nem vale a pena continuarem e o melhor é mesmo passarem ao post seguinte.

 

Como babe do GameOver cabe-me defender a honra das meninas e chamar a atenção para os bonitões dos videojogos, e falo dos de carne e osso.

 

CliffyB e Ted Price dizem-vos alguma coisa? Devem dizer, claro. Mas apenas enquanto os cérebros por detrás de duas grandes malhas: Gears of War e Resistance: Fall of Man.

 

A sortuda aqui teve a oportunidade de se cruzar com os dois e se lhe dessem a escolher, ficava um pouco indecisa, confessa. Cliffy é louro e tem uns olhos azuis que brilham como estrelas ao acabar com um Locust. Ted é moreno e faz um sorriso lindo, quando extermina um Quimeriano.

 

São ambos, realmente bem apessoados, a esbanjar juventude e vitalidade. Mas, para ser bem sincera, se ainda tivesse mais uma hipótese de escolha, ficava mesmo era com o Peter Molyneux.

 

Apesar de mais entradote, sir é sir. E nada bate aquele charme britânico e o entusiasmo com defende as suas damas, com um humor inteligente de quem já não tem nada a provar.

 

O Cliffy e o Ted que me perdoem, mas definitivamente, era com Mr. Fable que partilhava a minha consola

Autoria e outros dados (tags, etc)

por agil às 20:04

Segunda-feira, 06.11.06

A 24 horas de Gears of War

Sim, há quinze dias que não paro de jogar a mais aguardada das obras para a Xbox 360.

 

Não, não posso revelar nada de nada sobre qualquer das suas características.

 

Sim, assinei um documento que me obriga a ficar em silêncio até às 19 horas de 7 de Novembro de 2006, data marcada para o lançamento norte-americano. Mas...

 

... correndo o risco de ir passar alguns anos na prisão de Pinheiro da Cruz, local conhecido por proporcionar sessões de chuveiro bastante dolorosas, posso avançar que:

 

1 - É... é... é... tão, tão bom!

2 - Já o terminei quatro vezes.

3 - Marcus Fenix à presidência... JÁ!

4 - Os Locust são realmente maus. E feios. E muito, muito feios. E maus.

5 - Um dia não é dia quando não serramos um Locust às postas.

6 - Longa vida ao Live!

7 - Bang bang. Protecção. BOOM! Protecção. Bang! Como eu adoro...

8 - Tanta conquista para ser desbloqueada.

9 - Tão bom!

10 - Adeus, o Marcus aguarda-me! E mais não posso dizer!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por luxxx às 01:09


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


calendário

Abril 2015

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

Mais Jogos no SAPO